Nossas redes sociais

Piauí

Equipe da Seduc participa de seminário sobre recomposição da aprendizagem em Fortaleza-CE

Postado

em

O Projeto de “Recomposição da Aprendizagem” é uma das frentes iniciais do “Acelera Seduc”, o maior programa de fortalecimento das ações educacionais do Piauí, lançado na última quinta-feira (30). Visando o desenvolvimento de estratégias e metodologias pedagógicas que contribuam no crescimento dos índices educacionais, o projeto contempla, em seu cronograma, estudos e pesquisas em parceria com a Universidade Federal do Ceará (UFC).

Nesse sentido, uma equipe da Superintendência de Ensino, da Secretaria da Educação (Seduc-PI) participou do Seminário de Educação CEnPE/LEPES, em Fortaleza, nos dias 31 de março e 1º de abril. O encontro foi uma imersão sobre os desafios e novos modelos de Avaliação Educacional, com os palestrantes Jorge Lira (UFC/CEnPE), Ernesto Faria (Instituto Interdisciplinaridade e Evidências no Debate Educacional – IEDE) e Maria Helena Guimarães (Cátedra Instituto Ayrton Senna – Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto – IEA-RP/USP).

Segundo o Coordenador do Grupo de Trabalho da Matemática, Teotônio Vieira da Silva, os objetivos do encontro foram compreender a análise dos dados de avaliações externas da rede, dos componentes principais em Língua Portuguesa e Matemática e analisar as matrizes dos saberes e conhecer o material estruturado, ofertado pelo Ministério da Educação (MEC). Além do professor Teotônio Vieira, também participaram do seminário os professores Celene Lima, Creusa Castro e Márcia Damasceno, que compõem a equipe do Projeto Recomposição da Aprendizagem.

“As atividades foram desenvolvidas com o propósito de embasar a equipe técnica para execução do projeto de Recomposição da Aprendizagem. A ideia é aperfeiçoar os saberes no tocante ao trabalho focado nas  habilidades de leitura e resolução de problemas e o percurso cognitivo que o estudante percorre até o  seu desenvolvimento. Foi um momento muito rico, uma vez que a equipe do Professor Dr. Jorge Lira já desenvolvem um trabalho de excelência nessa área”, comenta.

O Superintendente da Seduc-PI, Antônio Amaral, complementa que acesso às informações quanto à realidade escolar tornou-se uma importante ferramenta para entender as necessidades das escolas e dos estudantes. “São intercâmbios como este que preparam a nossa equipe para implementar estratégias e novas metodologias para que a gente possa fazer a recuperação da aprendizagem nas áreas do conhecimento de Língua Portuguesa e Matemática, que são componentes curriculares de extrema importância, mas que também repercutem nas diversas áreas do conhecimento”, afirma Amaral.

 

Fonte: Governo do Piauí

Em alta